Um pedido de desculpas e uma novidade

3 comentários:
Olá, pessoas, tudo bem com vocês? Sei que sumi daqui mas venho explicar o real motivo.


Bem, se você me conhece um pouquinho (tipo 10%) sabe que meu grande sonho era cursar Engenharia de Alimentos, pela Unicamp. Esse sonho tem 3 motivos extremamente importantes, o primeiro é porque meu sonho era estudar na Unicamp e morar em campinas (Ainda vou ser campineira *..*), o segundo é que sou apaixonada por essa área, projetos, alimentos e produção do mesmo me encanta muito, e o terceiro é que a FEA é a malhor faculdade de Engal da América Latina, sendo a primeira a ser fundada no Brasil em 1966 (50 anos esse ano *.*)

Então.. Venho de uma luta meio conturbada, com muitos choros e decepções, a aprovação em todas as faculdades em 2015 exceto a da minha tão sonhada Unicamp, comecei a fazer Ciência dos alimentos pela Usp, mas aquilo não era o que eu queria para minha vida, então resolvi tentar mais uma única vez. Confesso que estava extremamente desanimada, e pensando seriamente em desistir desse meu grande sonho, mas, por mais inacreditável que possa ser, eu consegui passar. EXATAMENTE, eu passei na Unicamp no ano em que menos estudei na minha vida (isso parece ironia do destino'.') e desde fevereiro eu tenho ido a Campinas para realizar meu sonho, lá é tudo lindo, um campus maravilhoso, mas os professoresss.... :'(

Desde fevereiro que não leio um livro sequer, exceto os das matérias que estou cursando, então abandonei o blog, pois sem leituras não há postagens. As matérias estão extremamente complicadas e exigindo todo o meu tempo livre, está impossível ler qualquer coisa que não esteja relacionada a Cálculo, Física, Geometria Analítica ou Química Geral..

Por isso, peço desculpas a todos que perdiam um tempinho do seu dia vindo visitar o nosso blog, prometo que assim que começar minhas férias (Provavelmente no final de Junho se Odin me ajudar e eu não pegar nenhum exame) voltarei a postar aqui minhas leituras..


Beijinhos, e espero que possam compreender. Vou deixar umas fotinhas dos momentos felizes que passei...

Minha mais nova casa
O momento que mais sonhei em toda a minha vida.
O trote *....*
Ninguém escapou do guache.

*..*










Recortes de Livros

3 comentários:
Hoje é sábado (o/) e tem Recortes de Livros
  • Basta pegar sua leitura atual;
  • Escolha seu trecho preferido;
  • O compartilhe marcando o livro e o autor.


Título: Cidade das Cinzas
Autor: Classandra Clare
Editora: Galera Record
Página do trecho: 399

"Lá dentro encontraram uma mesa no canto e se sentaram. O restaurante estava quase vazio: Kaelie, a garçonete fada, estava no balcão, batendo as asas azuis e brancas de forma preguiçosa. Ela e Jace já tinham saído uma vez. Um par de lobisomens ocupava outra mesa. Estavam comendo perna de carneiro crua e discutindo sobre quem ganharia numa briga: Dumbledore, dos livros de Harry Potter, ou Magnus Bane."

Beijinhos e até terça-feira com resenha fresquinha para vocês!










Lista de Livros {2}

Nenhum comentário:
Boa noite, tchucos. Tudo bem com vocês?

Bem, aqui nem tanto. Pois acabei de surtar após contar quantos livros estão encalhados na estante esperando sua hora de leitura. No total, são 105 livros para serem lidos, estou me controlando, só comprei 4 livros até agora, e só comprei pois paguei 26 reais em todos eles (Foi aquela velha desculpa de "ahhhh tá barato" haha).. Mas, não se assustem tanto assim, pelo menos já li mais da metade dos livros que tenho na estante... hehe

Mas, contudo, entretanto, toda via estou empenhada em diminuir esta fila de livros. Me comprometendo a ler os que já tenho e não comprar, salvo exceções de preços muito abaixo do esperado, tirando isso, não comprar mais livros até criar vergonha na cara e ler no mínimo uns 30 dessa lista.. ^^

Por isso, nessa minha segunda lista de leitura, decidi colocar sagas (aeeeee). Serão três sagas que não tem muita relação ao tema, acho que isso facilitará a não me entojar por ler apenas um assunto, sendo que duas delas eu já li alguns livros e preciso terminar os outros e uma inteiramente nova para poder apreciar. Então, vamos a lista e à ordem de leitura..

  1. Cidade de Vidro - Cassandra Clare
  2. Cidade dos Anjos Caídos - Cassandra Clare
  3. Cidade das Almas Perdidas - Cassandra Clare
  4. Cidade do Fogo Celestial - Cassandra Clare
  5. Bela Redenção - Jamie McGuire
  6. Bela Distração - Jamie McGuire
  7. Coração de Tinta - Cornelia Funke
  8. Sangue de Tinta - Cornelia Funke
  9. Morte de Tinta - Cornelia Funke
Assim, espero eliminar nove livros da lista e chegar a minha meta de 30 livros lidos sem ter comprado mais nenhum..


Beijinhos e me desejem sorte, precisarei haha

Como esta semana não consegui trazer uma resenha, semana que vem teremos duas resenhas novas :D









Recortes de Livros

Um comentário:
Hoje é sábado (o/) e tem Recortes de Livros
  • Basta pegar sua leitura atual;
  • Escolha seu trecho preferido;
  • O compartilhe marcando o livro e o autor.






Título: Cidade dos Ossos
Autor: Classandra Clare
Editora: Galera Record
Página do trecho: 201

“Mais tarde, quando o pai o deixou, o menino chorou pelo animal, até que o pai enviou um empregado para recolher o corpo do pássaro e enterrá-lo. O menino nunca mais chorou, e nunca se esqueceu do que aprendeu: que amar é destruir, e que ser amado é ser destruído.”

Beijinhos e até quinta-feira com resenha fresquinha para vocês!











{Resenha} A Mansão Hollow - Agatha Christie

3 comentários:
Boa tarde, queridos. Hoje trago a vocês mais um livro da nossa amada Agatha. Espero que gostem e apreciem a resenha assim como eu :D

Título: A Mansão Hollow
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 256
Ano: 2014
Saiba mais em: Skoob
Compre em: Submarino  Americanas  Amazon
Sinopse: Um inofensivo convite para almoçar na Mansão Hollow logo se transforma em mais um caso a ser desvendado por Hercule Poirot. A cena do crime parece um tanto artificial - o corpo de um homem agonizando na beira da piscina, sua mulher logo ao lado segurando um revólver, e ainda três testemunhas. Seria na verdade uma encenação, uma brincadeira de mau gosto para provocar o detetive? Infelizmente, para a vítima, não. Indo contra todas as evidências, Poirot não demora a descobrir que a arma que aquela mulher tinha nas mãos não era a mesma que matou seu marido. O que aconteceu, então?

Um crime premeditado ou um acesso de loucura? Eis o grande dilema que ronda o livro da rainha do Crime. Durante um almoço na mansão de Lady Lucy Angkatell, na qual o detetive Hercule Poirot é convidado, acontece um assassinato. Na piscina, onde ocorreu o crime, se encontra o corpo de John Christow e, ao seu lado, segurando uma arma, se encontra sua esposa (Gerda). Este assassinato tem todas as características para ter uma rápida solução, afinal, a mulher estava com a arma no local do crime. Mas, nem tudo ocorre como se deseja, e uma simples solução se torna uma bola de neve.

Durante o inquérito policial, na qual Poirot se torna um coadjuvante do verdadeiro investigador, não aparecendo a todo momento na história; descobrindo que cada personagem do livro relata fatos, sentimentos e desejos que poderiam ter acarretado à morte do doutor John, a cada capítulo, conta-se a versão de um dos moradores da mansão Hollow, suas declarações podem indicar o motivo do assassino, criando assim, uma imensa lista de suspeitos onde todos os moradores estão enquadrados.

A complexidade e a sutileza do crime intrigam o investigador Poirot, que pouco a pouco, começa a cercar os verdadeiros culpados pelo assassinato, e, mostrando no final, o motivo evidente que instigou esse assassino.

A rainha do Crime, nesse livro, nos possibilita aprofundar muito mais no interior dos personagens, dando pouca atenção para o crime ocorrido na mansão. Podemos entender os medos e desejos de cada um dos moradores e observamos que todos os personagens tem papel fundamental na trama, seja o simples mordomo, como também a dona da casa. Assim, ela consegue criar mil e uma possibilidades de justificativas para esse ato, fazendo com que possamos mergulhar com cara e coragem nessa maravilhosa estória,

Ao pesquisar mais sobre esse livro, descobri que existe uma série sobre as aventuras do detetive Poirot, se chamando "Poirot", na qual, este livro é retratado no quarto episódio da nona temporada.




Classificação: 





Espero que tenham gostado e até sábado com o "Recortes de Livros"..













Recortes de Livros

5 comentários:
Hoje é sábado (o/) e tem Recortes de Livros
  • Basta pegar sua leitura atual;
  • Escolha seu trecho preferido;
  • O compartilhe marcando o livro e o autor.






Título: Assassinato no Expresso do Oriente
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Página do trecho: 146

"Poirot cruzou apressadamente o corredor e entrou na sua cabina para apanhar cigarros. Fechou a porta com o trinco. Sentou-se. Seus olhos se arregalaram com o que viu: cuidadosamente dobrado sobre a sua mala, estava um robe de seda vermelho com dragões bordados."

Beijinhos e até quinta-feira com resenha fresquinha para vocês!










{Resenha} Morte no Nilo - Agatha Christie

13 comentários:
Boa tarde, chuchus! Tudo bem com vocês? Hoje trago a vocês a primeira resenha da escritora Agatha Christie, confesso que me apaixonei por ela, mesmo tendo sido o primeiro livro que li dela.

Título: Morte no Nilo
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 248
Ano: 2014
Saiba mais em: Skoob
Compre em: Submarino  Americanas  Amazon
Sinopse: Bela, rica e inteligente, a jovem herdeira Linnet Ridgeway parece conseguir tudo o que quer. No entanto, quando rouba o noivo de sua melhor amiga e se casa com ele sem pensar duas vezes, talvez Linnet esteja indo longe demais...
Em sua viagem de lua de mel num cruzeiro pelo rio Nilo, no Egito, o casal apaixonado se depara com uma série de antagonistas interessados em sua fortuna e em provocar sua infelicidade. Então Linnet é encontrada morta, com um tiro na cabeça. O detetive Hercule Poirot, que por acaso também estava no navio, entra em ação para tentar montar mais esse quebra-cabeça.

O livro "Morte no Nilo", gira em torno de acontecimentos onde Linnet Ridgeway, Simon Doyle e Jacqueline de Bellefort são seus protagonistas. Linnet é uma bela moça, abastada de tudo na sua vida, nunca sofreu rejeição e consegue ter tudo que deseja. Entretanto, Jacqueline - amiga de Linnet a anos - não conseguiu ter está sorte na vida, esta está noiva de Simon, um belo homem rústico, que acabou de perder seu emprego, e com isso, não terá dinheiro para prosseguir com o desejo do casamento.

Linnet, por ser uma alma caridosa, oferece um emprego para Simon em sua nova casa. Mas durante sua estadia lá, Linnet se apaixona perdidamente pelo noivo de sua amiga, e assim, eles se casam. Indo passar a lua de mel no Egito.

Durante sua viagem, diversos acontecimentos começam a cerca-los, até que, um assassinato é realizado no navio Karnak. Onde todos serão suspeitos e cada um terá uma razão distinta para cometer este crime. Caberá a Hercule Poirot esclarecer todos os acontecimentos, todas as mortes e todos os porquês que está rodeando estes três jovens.

Por ser o primeiro livro que leio desta autora, não estava muito confiante, apesar de dizerem que ela é a rainha do crime. Mas após ler este pequeno livro constatei que ela é maravilhosa, sua escrita é muito fluída, um livro super gostoso de se ler e que terminamos em poucas horas de leitura. Seu narrador é onisciente, tendo a predominância de discursos direto livre, sendo um dos motivos por ser um livro extremamente fluído ao se ler.

Ao tentar analisar o enredo, percebe-se que todos os personagens estão entrelaçados. Cada detalhe, por mais simples que seja terá um significado ao final do livro. Por exemplo, quando sua dama de companhia Joanna Southwood elogia o colar de pérolas legítimo de Linnet, perguntando se ela não tem medo que alguém as roube. Cada personagem é completo, durante os interrogatórios de Poirot, começamos a descobrir sua personalidade, formulando sua índole e pensando "Será que foi este que matou?". Mas, como todo bom livro policial, TODOS se tornam possíveis assassinos, descobrindo o verdadeiro culpado apenas no final do livro.

Classificação: 

Espero que tenham gostado e até sábado com um pequenino trecho do meu livro atual.
Beijinhos










Recortes de Livros

2 comentários:
Estive indisponível desde sábado, então, especialmente hoje, trago a vocês o recortes de livros.
  • Basta pegar sua leitura atual;
  • Escolha seu trecho preferido;
  • O compartilhe marcando o livro e o autor.






Título: A Mansão Hollow
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Página do trecho: 49

"O pudim se queimara porque ele, John Christow, permanecera no consultório quinze minutos depois da hora, pensando em Henrietta e na sra. Crabtree e deixando-se tomar por sentimentos ridículos e nostálgicos sobre San Miguel. A culpa era dele. Era idiota, da parte de Gerda, tentar assumir a culpa, e de enlouquecer ela pedir para comer a parte queimada. "Por que ela sempre tinha de se fazer de mártir? Por Terence o olhava daquela maneira lenta e interessada? Por que, oh, por que Zera não parava de fungar? Por que eram todos tão terrivelmente irritantes?"


Beijinhos e até quinta-feira com resenha fresquinha para vocês!


Recortes de Livro

Um comentário:
Hoje damos início a mais uma postagem no blog, Recortes do Livro consiste em pegar aquele parágrafo que te encantou e te fez encher de post it e compartilhar para que todos possam ver. Todo sábado teremos um trecho selecionado, espero que gostem e deixe o seu trecho especial nos comentários!

  • Basta pegar sua leitura atual;
  • Escolha seu trecho preferido;
  • O compartilhe marcando o livro e o autor.






Título: Morte no Nilo
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Página do trecho: 50

- Não só me atrevo como vou falar francamente com a senhora! Minha opinião é que a senhora realmente se apaixonou, mas o que a motivou foi o simples fato de poder tirar o noivo de sua amiga. Acho que, quando o conheceu, sentiu-se atraída por ele e deve ter hesitado na escolha do caminho que deveria seguir. A iniciativa, naturalmente, partiu da senhora, e não do sr. Doyle. A senhora é uma mulher bonita, rica, inteligente e encantadora. Podia conquistá-lo ou não. Já a vida de sua amiga resumia a uma única pessoa. A senhora sabia disso mas, embora tenha hesitado, não se conteve. Estendendo a mão como o pastor rico da Bíblia, tirou a única ovelha do pastor pobre.


{Resenha} Saco de Ossos - Stephen King

3 comentários:
Bom dia, amados, tudo bem com vocês? Hoje trago a resenha da minha última leitura, foi extremamente difícil opinar sobre ela, tentei ao máximo não dar spoiler e ,ao mesmo tempo, instigar sua leitura. Espero, imensuravelmente, que possa despertar o desejo de lê-lo em todos vocês. haha

Título: Saco de Ossos
Autor: Stephen King
Editora: Suma de Letras
Páginas: 568
Ano: 2012
Saiba mais em: Skoob
Compre em: Submarino  Americanas  Amazon
Sinopse: Mike Noonan é um romancista de sucesso que vê sua vida subitamente transformada com a morte da esposa Jo. Quatro anos já se passaram e o sentimento é o mesmo - o desânimo, a tristeza, a sensação de que nunca mais será capaz de escrever. Diante da tela branca do computador, ele vê o vazio doloroso que passou a dominar seus dias. Nem mesmo o sono lhe traz alívio. Noonan é agora atormentado por terríveis pesadelos com Sara Laughs e a casa do lago - o recanto de sonhos onde ele e Jo foram tão felizes. Voltar à pequena cidade. Esta parece ser a única saída. Mike sente que precisa enfrentar o passado e tentar reencontrar seu caminho.
Sara Laughs, no entanto, já não é a mesma. Apesar da aparente tranqüilidade de sempre, sua comunidade vive atormentada pelo domínio cruel do milionário Max Devore, que não mede esforços para atingir seu grande objetivo: arrancar a neta de três anos da guarda da jovem mãe viúva. Pouco a pouco, Mike redescobre a paixão.
Mike Noonan reencontra um motivo para seus dias, mas a luta não será fácil. Além da fúria de Max Devore, Noonan terá de enfrentar forças estranhas e malignas que agora dominam Sara Laughs. Ele terá de descobrir de onde vêm os pesadelos cada vez mais terríveis que insistem em atormentá-los. Mike Noonan subitamente volta a escrever, mas não terá sossego até encontrar as respostas para as dúvidas que o atormentam. Que forças são essas que dominam a pequena cidade? O que esperam dela?


Por ser um livro do renomado Stephen King, todas as expectativas estão em taxas exorbitantes antes mesmo de começarmos a lê-lo. Mas, como sempre, King se supera deixando o livro maravilhosamente melhor do que se esperava no começo da leitura.

Mike Noonan é um renomado escritor que está sempre nos top 15 bestseller, neste verão, Mike está finalizando seu mais novo romance quando algo trágico acontece: sua amada esposa (Jo) morre inesperadamente. A partir desse acontecimento, toda sua vida entra em um bloqueio emocional, não conseguindo - nem se quer - escrever.

Decidido a tentar reverter este processo, Mike resolve passar uma temporada sem prazo determinado em sua casa de verão (conhecida, na redondeza, como Sara Laughs). Mas, a casa está diferente, a região mudou desde a última vez que passaram a temporada de verão lá.

Durante seu primeiro dia, Mike redescobre o amor ao encontrar a pequena Kyra e sua mãe na estrada. E é nesse contexto de redescoberta, frustrações e pesadelos que situações inusitadas (um tanto fantasmagóricas) começam a rodear esses três personagens.

Saco de Ossos, mesmo tempo essa capa inusitada e que nos deixa com os fiozinhos da nuca arrepiados, é extremamente sensacional, um romance envolvendo mistério que está presente desde muitas gerações passadas. Cada detalhe descrito pelo narrador é crucial para o desenrolar da história, por exemplo as corujas que Jo comprou misteriosamente; mostrando, assim, o quão majestosa é a escrita do queridíssimo King.

O que me deixa mais feliz é saber que seu filho, Joe Hill, herdou estes talentos de criar livros maravilhosos. Possibilitando, aos fãs, o dobro de livros para ler hehe. Ainda sobre este livro, é possível assistir sua adaptação através do Netflix (Para os amantes de livros, nada melhor do que as adaptações destes). :D


Classificação: 

Beijinhos e espero que tenham gostado da resenha









{Resenha} O Vilarejo - Raphael Montes

Um comentário:
Olá chuchus, como passaram a virada de ano? Hoje trago a resenha de um livro que ganhei num sorteio da Suma de Letras. Espero que gostem assim como eu gostei..

Título: O Vilarejo
Autor: Raphael Montes
Editora: Suma de Letras
Páginas: 96
Ano: 2015
Saiba mais em: Skoob
Compre em: Submarino  Americanas  Amazon


Sinopse: Em 1589, o padre e demonologista Peter Binsfeld fez a ligação de cada um dos pecados capitais a um demônio, supostamente responsável por invocar o mal nas pessoas. É a partir daí que Raphael Montes cria sete histórias situadas em um vilarejo isolado, apresentando a lenta degradação dos moradores do lugar, e pouco a pouco o próprio vilarejo vai sendo dizimado, maculado pela neve e pela fome.
O vilarejo é um típico livro que te faz ler pausadamente para poder digerir todos os fatos que acontecem durante as histórias que são contadas, cada fato te deixa com os cabelinhos da nuca arrepiados, impossível não sentir náusea ao ler o livro, nem que seja apenas uma única vez. Este livro, por mais horripilante que seja, me fez devora-lo em apenas três horas, sim, apenas três horas de puro horror naquele pequeno vilarejo assolado pela nevasca e a guerra civil. Estou apaixonada, tanto pela história, quanto pelas imagens presentes em todo o livro.

Acho extremamente válido que estas sete pequenas histórias são de muitos anos atrás, pertencendo a um livro do padre Peter Binsfeld, que escreveu todos estes pequenos contos na sua língua natal: cimério. Então, sozinho, Raphael Montes os traduziu e nos possibilitou este grandioso livro. Lembrando que Binsfeld, em um de seus trabalhos, caracteriza um Inferno para cada um dos sete pecados, sendo estes: Asmodeus (luxúria), Belzebu (gula), Mammom (ganância), Belphegor (preguiça), Satan (ira), Leviathan (inveja) e Lúcifer (soberba).

As sete pequenas histórias se passam no vilarejo, onde a guerra civil e a nevasca assolaram os habitantes, que estão privados de alimentos e esperança de uma vida melhor. Em cada conto, um dos pecados capitais é tido como tema, mostrando a conduta das pessoas e suas consequências irreversíveis,  fazendo com que o vilarejo vá se dizimando lentamente através dos próprios moradores, que estão ligados tão profundamente em seus pecados capitais não se dando conta do eminente fim da população daquela região.

As histórias podem ser lidas em qualquer ordem, pois os fatos não estão ligados em uma ordem cronológica. Mas, achei mais prudente ler na sequência, pois ,dessa maneira, consegui entender os detalhes contidos em cada conto, sendo que isto seria impossível de lesse, por exemplo, de trás para frente. Ao ler o título de cada conto, era possível saber o que estaria contido nas entrelinhas da história, pois o tema era associado ao inferno descrito pelo padre Binsfeld,.

Estou impressionada com a escrita, com o horror presente nos contos, e, acima de tudo, com as imagens presentes em cada texto (são muitas imagens, muitas mesmo). Segue abaixo algumas das muitas imagens presentes no livro.

Conto: Banquete para Anatole.

Conto: As irmãs Vália, Velma e Vonda.

Conto: A doce Jekaterina

Conto: Um homem de muitos nomes.

Uma alusão ao vilarejo.

Classificação:


Estou pasma até agora com esse livro, agradeço a Suma de Letras por ter me enviado, amei muitíssimo, estou apaixonada hehe..

Beijinhos!